segunda-feira, 28 de julho de 2008

Free Hugs

Qual é o ser humano que não gosta de um Xi cheio de ternura, carinho e sentimento?

Semana passada dei Free Hugs... sem medo... pois não estava a pensar nem nas consequências, nem nas reacções (negativas - pois são essas que se "esperam" e nos inibem).
É engraçado que quando pensamos demais nos retraímos... falo por mim... (claro que existem pessoas que conseguem ser espontâneas e amorosas sempre)... e o que me prende é mesmo o pensamento e o receio da reacção negativa... sem dúvida...

Mas é tão bom dar Xi´s... espalhar carinho, amizade, amor... Ser e Fazer Feliz!!!

:-)

Recebam todos um Big and Warm Hug from me! :-)


video

domingo, 20 de julho de 2008

Domingo


Hoje é/foi domingo... A esta hora (22h47) começa já a ser véspera de segunda-feira e o vislumbrar de mais uma semana de trabalho, é já uma realidade crescente, cada vez mais próxima, cada vez mais nítida.

E assim inicia uma semana que vai me custar a passar... simplesmente porque tenho dois exames que irei faltar... não consegui estudar... falta de tempo, falta de vontade, cansaço... tudo desculpas que me permitem tomar a decisão de desistir mesmo antes de tentar...

E pior... passei o domingo a fazer: NADA...

terça-feira, 1 de julho de 2008

Força!


É tremendamente gratificante e reforçador quando conseguimos efectivamente superar um obstáculo! É sentir o corpo e alma envolvidos numa luz em espiral que nos revitaliza e nos dá força e vida para continuar.

Já passo a ponte da Arrábida sem medo... já passo num outro caminho que evitei durante uns meses, também sem sequer me lembrar que estou nele... É fantástico!!! :-)

Sei que o medo voltará quando me sentir mais vulnerável... mas...
Hoje estou mais forte porque sei que quando estiver vulnerável, poderei voltar a estar forte... Compreensível?

Já agora, um segredo: querem pôr-me realmente feliz?
Dêem-me um sorriso de uma criança!!!

Hoje de manhã, no trânsito a caminho para o trabalho, noto no carro da frente uma menina (ainda em cadeirinha de segurança) a olhar para mim e a sorrir... Fartou-se de fazer brincadeiras às quais eu correspondi sempre, é claro! Interiormente quero acreditar que estes pequenos acontecimentos são miminhos que a vida me envia para me incentivar e continuar a lutar por um mundo melhor! :-)