quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Frio...


Sei que sou um exagero com o frio...
Deprimo todos os invernos...
Gostava de hibernar todos os anos...

Mas este ano a minha preocupação duplicou...
Dá vontade de comprar roupinhas de neve para proteger o meu maior tesouro...
Bem... dá vontade é de emigrar para um país tropical (abençoado por Deus e bonito por natureza... he he)
...

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Amargura


"- Pergunta-te? Soube a doce? Porque a amargura não sendo quem és, foste tu quem a sentiu. Mas se não soube a doce, então não é verdade.

Às vezes basta um sorriso para desmontar tudo. Perdoar costuma saber a chocolate. Devolve-nos a verdade."

Escreveu-me isto um amigo...

Realmente, só agora ao escrever a palavra A-M-A-R-G-U-R-A percebi que esta tem, na sua génese, a palavra AMAR... Desde quando é que o Amor pode nos tornar em pessoas amargas? A falta dele, acredito...
E o perdoar quem nos fez tanto, tanto mal?
Mesmo com a capa do bem, o mal é irreparável... a raiva e o ódio por ter deixado a ferida ficar tão profunda... Os maus sentimentos despertos por frases outrora inofensivas... Os beijos de Judas que por saberem tão a falso, custa tanto receber...
A falta da capacidade de saber e de conseguir perdoar...
E o aumento da amargura que resseca e asfixia o coração...
Por vezes, é extremamente doloroso continuar a viver... mas só porque não consigo explodir com o que realmente sinto e com o que realmente quero...
E eu, gostava era de ter distância de pessoas cruéis... pessoas demasiadamente próximas, mas cruéis...

"A Black Heart Pollutes Me"


(in Black Heart Inertia by Incubus)
...

Em dia de Greve

O parque da Lavandeira estava cheio de vida... frio, mas cheio de pessoas com crianças a passear...
Claro que gostava de o ver assim todos os dias!
Claro que gostava de estar acompanhada para além do meu bebé, que rapidamente, fechou os olhos e dormiu.
Claro que não me canso de olhar e acompanhar o seu sono tranquilo... mas claro que por vezes me sinto deveras sozinha...

Utopia...


"somamos dias perfeitos. conversamos sobre os imperfeitos. sorrimos perante as adversidades. damos a mão para ser mais fácil. abraçamo-nos quando está a doer e atravessamos a vida sem medo. tu e eu. em 500 e muitos dias."

Retirado de: http://misteriosaatraccao.blogspot.com/

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Bebé para o mundo!

Como me custa cortar o cordão umbilical do meu bebé...
Digo sempre para mim mesma que o "meu" bebé não é meu, é do mundo... digo sim...
Mas sempre que penso que daqui a 3 meses já não sou só eu que cuido dele, não sou só eu que estarei do seu lado para o acalmar, não sou só eu a fazer tudo e mais alguma coisa... dá-me um aperto tão grande, sinto-me tão pequenina, tão incompleta...
Já chorei ao ver a página de internet do infantário para onde ele irá...
Estou a tentar aproveitar cada segundo, cada sorriso, cada choro (que ás vezes me leva à exaustão), cada "larada", cada conquista, cada mudança... tudo tudo enquanto posso!
Ai como o tempo passa tão rápido! E ai como eu gostava de ter poderes para o protejer sempre e para sempre! :-)

Vidas (Im)Perfeitas

Andamos todos à procura de vidas perfeitas... sempre achando que a nossa actual é imperfeita... que falta este ou aquele ponto para finalmente podermos usufruir da vida...

Queremos a casa perfeita, empregos perfeitos, filhos perfeitos, dinheiro na carteira na quantidade perfeita, enfim... queremos sempre concretizar os nossos planos e sonhos de acordo com aquilo que expectamos e que achamos, nos traria a felicidade perfeita...

Mas a vida, imperfeita como só ela sabe ser, é mais perfeita do que qualquer um de nós pode imaginar ou querer... a vida, tal como ela é, traz-nos na medida exacta e milimetricamente pensada tudo aquilo que mais precisamos para sermos felizes... não só hoje, mas sempre...
...

Bebé chorão

Não sei o que se passa, mas o meu bebé está cada vez mais chorão...
E eu sinto-me cada vez mais incompetente... :-(
Não pega em chupetas... só nos dedos...
Dorme bem e profundamente ao colo mas quando o pousamos é o maior berreiro outra vez...
Está a ganhar umas ricas manias, está está...

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Ser (In)Feliz é uma Escolha

Ok... Pode ser uma escolha pessoal sim senhora... mas que é difícil mudar hábitos de infelicidade e de coitadismo, lá isso é...


"Todo o amor do mundo pode ser dado a você, mas, se você decidir ser infeliz, permanecerá infeliz. E você pode ser feliz, imensamente feliz, por absolutamente nenhuma razão - porque a felicidade e a infelicidade são decisões suas.

Leva muito tempo para perceber que a felicidade e a infelicidade dependem de você, porque é muito confortável para o ego achar que os outros estão fazendo você infeliz.
O ego insiste em dar condições impossíveis, e ele diz que primeiro essas condições precisam ser satisfeitas e somente então você poderá ser feliz. Ele pergunta como você pode ser feliz em um mundo tão feio, com pessoas tão feias, em uma situação tão feia.

Se você observar corretamente, rirá de si mesmo. É ridículo, simplesmente ridículo. O que você está fazendo é absurdo. Ninguém está nos forçando a fazer isso, mas insistimos em fazê-lo - e gritamos por socorro.
E você pode simplesmente sair disso; trata-se de seu próprio jogo - ficar infeliz e depois pedir simpatia e amor. Se você estiver feliz, o amor fluirá em sua direção... não há necessidade de pedi-lo.

Essa é uma das leis básicas. Exatamente como a água flui para baixo e o fogo flui para cima, o amor flui em direção à felicidade. "

Osho

Fonte: http://depressaoassassina.blogspot.com/2010/04/e-possivel-ser-feliz-mesmo-com.html

Crueldade

Ia falar de outro tipo de crueldade... daquela que existe mas ninguém fala... daquela que estraga relações e aprofunda feridas para sempre... mas encontrei isto, e não resisto...

"Você alguma vez já ouviu dizer que algumas empresas antes de colocar seus produtos no mercado para o nosso consumo, testam seus produtos em animais? Pois é verdade. Algumas empresas submetem animais a testes dolorosos e cruéis, para saber se o uso do produto a ser lançado pode ser prejudicial à nossa pele, à nossa saúde, aos olhos, aos cabelos, etc.

Ocorre que assim como existem empresas que ainda em pleno século XXI utilizam animais em testes cruéis. Há outras que felizmente já há muito tempo não o fazem. Recentemente foi divulgada uma lista com o nome das empresas que não utilizam animais em seus testes, e isso tem que ser divulgado.

Afinal, o que é bom tem de ser exaltado, não vale só divulgar coisas más, temos que evidenciar quem faz coisas boas e se preocupa não só com os seres humanos, mas que também se preocupa com a preservação da natureza e se preocupa com os animais.


Procurem pelo Selo Cruelty Free:

Nem toda empresa utiliza o Selo Cruelty Free em suas embalagens, para facilitar veja abaixo as empresas que testam em animais e as que NÃO testam em animais:"



Fonte: http://www.blogdamulher.com/selo-livre-de-crueldade-cruelty-free/#ixzz156TqRvWQ

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Hoje...

ainda não consegui fazer nada para além de cuidar do meu menino... :-)

Às 4h00 quis comer... ora ás 9h00 da manhã já estava com fome outra vez...
Visto que ele até gosta de dormir uma boa soneca durante a manhã, a mamã não se importa nada de o acompanhar... mas hoje não! Foi um tal de chorar quando pousado na própria cama... O que se passa? Fralda? Fome? Cólicas? Adormecer sempre na mamita para quando colocado na cama abrir o berreiro outra vez?... Aiiii!

Balanço conseguido: 2 idas à casinha a correr, 1 iogurte + queijinho + pãezinhos (qual almoço qual quê?), pijama ainda vestido e um dia inteirinho no quarto meio sem saber a que se deve esta mudança de vontades do meu pequeno príncipe...
Ufa...

quinta-feira, 4 de novembro de 2010

Passeios

Entre as casas das avós, o cabeleireiro da mamã, o parque da Lavandeira (muito frio), o trabalho do papá e um almoço no Arrábida Shopping, o meu príncipe já demonstra que gosta de sair de casa... Pelo menos dorme que dá gosto de ver...
Só não dá muito gosto é à noite, pois como é óbvio, se dorme durante o dia, não dormirá tão bem durante a noite...

De modos que é isto... Para sair, tenho que ter muito cuidado que seja por períodos curtos para que não dê tempo dele dormir a tarde toda...

Mãe tão chata!!!

terça-feira, 2 de novembro de 2010

Amor de Perdição


Sou capaz de ficar horas a beijar, mordiscar e cheirar o meu bochechas!
...

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Quero muito...