terça-feira, 27 de setembro de 2011

Desaparecida


Sei que ando desaparecida...
Mas quero muito ganhar este lindo prémio no sorteio...
Vocês não querem?
Cliquem aqui.
...

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

And today I really need...

Muita, muita esperança para continuar a lutar e a ter forças para trabalhar mais que nunca...
Apesar de não acreditarem em mim, vou lutar até ao fim...
E só quando chegar o dia é que eu vou ver se venci ou não...
E quero vencer... quero muito...
...

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Needing

A cup of love...
...

terça-feira, 20 de setembro de 2011

And I´m trying...

...

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Changeable

...

domingo, 18 de setembro de 2011

Porquê?



Porque é que todas, TODAS as noites me dá uma fome de leão, e eu só penso em comer...
Tenho montes de desejos, vontades de comer... tudo o que eu me lembrar e que, mais ou menos felizmente, nunca tenho em casa...
...

sábado, 17 de setembro de 2011

I want some pills...


Can I choose?
Sanity, Joy, Relief, Control, Peace, Balance, Calm, Hope, Dreams, Truth, Beauty, Love...
Just don´t want the Perfection... Because of wanting Perfection almost nothing worth...
...

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Find the reason

...

terça-feira, 13 de setembro de 2011

Meu sorriso...


13 meses de um Amor Maior...
13 meses que ganhei um sorriso novo...
13 meses que os meus olhos brilham a olhar para o meu pequenino tesouro...
13 meses que luto diariamente para ser uma pessoa melhor...
13 meses que amo tanto como nunca pensei ser possível amar...
...

O caminho...


Não é a chegada que nos faz vencedores, mas sim o caminho...
E o caminho é feito todos os dias apesar de querermos que amanhã seja O dia!
Amanhã mudo, amanhã quero ser feliz, amanhã vou ser diferente... 
Mas o amanhã é sempre amanhã, e hoje estou muito cansada e triste para mudar... 
As forças falham, arranjam-se desculpas, e a culpa cresce e ganha força... mantendo-nos em baixo porque afinal, já foram tantas tentativas e tantas falhas...

Mas amanhã não... amanhã vai ser diferente... amanhã vou mudar e ser feliz... ou pelo menos não tão triste... a caminhar para o sentir bem... a caminhar para que o negro tenha rasgos de branco...
Não quero chegar ao destino enquanto não fizer a viagem grata pela vida...
Obrigada vida, por tudo o que me estás a ensinar... por me derrubares e colocares tão baixo para que eu tenha forças para me levantar... 
Quando eu me levantar, sei que estarei mais forte e mais conhecedora de mim, do mundo e da vida... 
Assim o espero...
...

domingo, 11 de setembro de 2011

Always remembered

Quem consegue esquecer deste dia 10 anos atrás?
Eu pelo menos lembro-me exactamente onde estava, como assisti a esta noticia, como vi incredula e em directo o impacto do segundo avião e a queda das torres...
Parecia um filme... tão real que tudo marcou...
Tinha que estudar para o meu último exame da faculdade... com ele terminaria o curso... mas não consegui descolar das noticias... parecia irreal e eu nem acreditava mesmo que aquilo pudesse estar a acontecer...
Infelizemente, sim... aconteceu e mesmo diante dos olhos do mundo...
A história mudou nesse dia... o mundo mudou nesse dia...

Ah! O curso ficou feito sim... Terminei-o precisamente em Setembro de 2001.
...

sábado, 10 de setembro de 2011

Quero muito um sinal...


... do caminho a seguir... muito perdida... com pensamentos e vontades já conhecidas mas sem querer passar a acção...
...

Past to Present

...

Down...

...

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

The Important Things


Best Blog?

Recebi um miminho querido de uma queridissima amiga: a Minhoquita, Miss Worm!
Se o meu cantinho é Best Blog não sei... mas é sim um lugar onde posso falar o que penso e sinto e, onde tenho encontrado pessoas fantásticas!

As Regras são:
A) Tenho que dizer quem me ofereceu:
Como já disse foi a Minhoca de Papel - a maravilhosa Miss Worm! 

B) Tenho de partilhar 7 coisas sobre mim:
Esta é a parte verdadeiramente difícil...
  1. Adoro ler - quando estou mais perturbada, livros de mensagens espíritas me acalmam e fazem-me ter esperança na vida;
  2. A minha primeira - e mais dolorosa - experiência com a morte foi com o falecimento da minha avó materna que se despediu do mundo exactamente no dia do meu aniversário;
  3. Comecei a escrever este blogue porque me sentia muitíssimo sozinha na minha perturbação e não queria que mais ninguém vivesse assim...
  4. Já tive 3 empregos e todas as empresas iniciam com S. (Não foi propositado!);
  5. Adorava conduzir até ter o meu primeiro ataque de pânico - a conduzir!
  6. O pânico mudou a minha vida - condiciona de tal forma que eu deixei de ter uma vida tranquila e despreocupada... Por ora o medo é o centro de quase tudo...
  7. Agora tudo o que eu quero é me organizar para poder "dirigir" a minha vida da melhor maneira possível...
C) Passar este selinho a mais 7 blogs:
Se passar a 9 ninguém se importa pois não? É que mesmo assim deixo alguns tesourinhos de fora... 
Vocês têm sido para mim uma verdadeira inspiração, companheiros/as de luta! 
Obrigada por existirem!
...

terça-feira, 6 de setembro de 2011

Bloqueada...


Como dar o primeiro passo para o que quer que seja pode ser tão, mas tão difícil!...
Sair do nosso conhecido confortável causa mesmo desconforto...
E como fazer?

Simplesmente levantar um pé, direccioná-lo para a frente e: dar um primeiro passo... simplesmente começar o que quer que seja pelo principio, por um pequeno gesto... respirar fundo e: começar... sem esperar perfeições nem facilidades logo no inicio... sem esperar que fique tudo pronto num instante sem muito trabalho nem reformulações e correções... Vai custar... Está a custar...
Queria já ter tudo pronto, queria já ter tudo feito... Mas como sem ter dado o primeiro passo?

Agora sim... já dei o primeiro passo... Agora, não tão rápido como eu queria, já estou a avançar... Ainda não flui... mas posso dizer que já estive mais longe de atingir o objectivo...

Obrigada prima especial que me tens ajudado mais do que pensas!
Espero que a vida te sorria em dobro hoje e sempre!
...

domingo, 4 de setembro de 2011

Sunday

...

sábado, 3 de setembro de 2011

Otimista?

Ou com vontade de lutar?

...

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Só para terem uma ideia...

... de como eu sou desorganizada e desorientada, um pequeno e rápido exemplo do que aconteceu agora:

Olho no relógio, já são quase 14h15... ai... tanto que eu queria fazer e ainda não fiz nada...
Ia almoçar e tiro sobras do frigorifico. Pouso-as na mesa. Vejo montes de louça na banca para arrumar e arrumo... Vejo uma fralda de pano suja em cima da mesa e ponho no cesto da roupa suja e claro, vejo o montão de roupa que tem para lavar... Vejo também a cadeirinha do meu pequenito toda suja e quando vou buscar um pano para a limpar lembro: ai já é tão tarde e eu tenho é que ir almoçar...

Bolas... as voltinhas que eu dei e que não fiz nada... não adiantei nada... tudo porque o meu pensamento é em círculos... nada de linha recta, nada de objectividade... círcular, perda de tempo, pouca optimização dos passos...
Preciso mesmo de uma agenda falante que me oriente em todas as minhas direcções...
:-P

Organizar...

Sempre, sempre amanhã... nunca hoje... E o amanhã chega como hoje e o amanhã virá outra vez... e quando dou conta já passou tempo... tanto tempo que já nem me lembro de quando tudo começou...

Sim... esta é a palavra chave que todos os dias ronda a minha cabeça para que a minha vida fique mais fácil... ORGANIZAR...
Primeiro foi com a Marianne - o planeamento semanal de refeições, e agora através dela, a Rita.
Vi o blogue da Rita pela primeira vez hoje... e não consegui parar de ler... Tem dicas fantásticas para quem quer organizar... a vida, a semana, o mês, os espaços da casa, ou uma ida ao Ikea...


Gostei da ideia de ter uma agenda GTD (get things done)!
Teria que cumprir o que me proponho, claro!
Mas era uma boa forma de não passar dias e dias em branco...
...

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Mais leve...

Diz o ditado popular que "é falando que a gente se entende"...
E como sempre, muita razão e sabedoria!

Hoje tirei umas toneladas de peso do meu coração...
E nada mais simples e fácil do que dizer o que eu sinto.
É/foi muito libertador...

Estava a alimentar um ódio ao meu pai...
Ódio que só me destruia a mim... a ele nem chegava perto...
E o ódio é um sentimento que se auto-alimenta e que só destroi quem o sente...

Os motivos eram vários...
E muito calmamente e civilizadamente consegui expô-los...
Disse tudo o que me ia na alma... desilusões que vivi, o que eu esperava que não tive de um pai, traumas de infância...
Culpei-o pelos maus exemplos dados e pela não consciência disso, mas culpei-me de não ter virado a mesa antes e de ter acatado tudo o que me foi ensinado sem questionar...
Agradeci o seu amor sem cobrança que sempre nos permitiu sermos iguais - pessoas imperfeitas em evolução - e que nos facilita/facilitou aproximar sem receio.

Por momentos, penso que ele me ouviu - sem me ignorar como sempre fez e faz.

Neste momento sinto-me muito bem! Por tê-lo feito controladamente, sem ferir.
E simplesmente por tê-lo feito!
Obrigada vida por mais esta oportunidade!
Espero brevemente conseguir livrar-me do peso maior que me sufoca...
Vamos ver...
...

Marmelada


Estas são mesmo minhas!
:-)
As minhas 1ªs marmeladas com a ajuda da Bimby...
Ficaram um pouco doces demais...
Da próxima corto no açúcar...
São servidos/as?
:-)
...

*


A mudança que uma doença mental/emocional nos obriga é como se nós tivéssemos que morrer estando vivas para renascermos e nos aceitarmos como outras pessoas... Desta vez conhecendo as nossas limitações...

Diferentes do que fomos/somos... Apenas diferentes...

(Claro que eu diria que fiquei muito pior... cheia de espinhos, negativismos, medos, pessimismos, coração pesado... tudo de mau...)
Mas há que aceitar o meu novo eu... fazer o luto de quem fui... 
Quem sabe aquela menina alegre, humilde, generosa, sorridente, esperançosa e feliz se lembre de me visitar de vez em quando?
...